28.3.17

Porto da Espada recebe Seminário dedicado ao “Desenvolvimento Rural”

O Município de Marvão e a Junta de Agricultores da Apartadura promovem, dia 4 de abril (terça-feira), no salão da Casa do Povo do Porto da Espada, um Seminário dedicado ao “Desenvolvimento Rural”. A sessão de abertura e boas-vindas está agendada para as 9h30.
 Um dos objetivos deste Seminário será discutir a gestão fundiária, como fator essencial ao desenvolvimento rural. Com a valorização deste território, estimulando os setores produtivos estratégicos e fomentando novos modelos de agricultura, pode conseguir-se um crescimento económico sustentado e combater a desertificação no interior.
 No primeiro painel do dia, dedicado ao desenvolvimento rural, Pedro Lynce vai falar sobre “um novo modelo de desenvolvimento sustentável para o interior”. “As novas regras do emparcelamento rural” e os “apoios ao abrigo do PDR 2020” vão ser os temas abordados por Gama Pinheiro e Isabel Abreu, respetivamente.
 O segundo painel, onde se vai analisar o “potencial hidroagrícola do regadio da Apartadura”, terá como intervenientes, Mondragão Rodrigues e Susana Dias. Com um perímetro de rega de cerca de 400ha, a Apartadura tem potencial para crescimento de soutos de castanheiros, cerejeiras, nogueiras, aveleiras, vinha, horticultura, ou produção animal. Atividades ligadas ao setor primário e que podem ser âncoras de desenvolvimento para o concelho de Marvão.

 Francisco Mateus (Presidente da CVRA - Comissão Vitivinícola Regional Alentejana), José Mata (Consultor de Produção de Azeites), Rui Flores (Técnico de Produção Biológica), Cristina Francisquinho (Técnica de Viticultura), António Melara Dias (Produtor de Azeite) e Miguel Pires (Produtor/investigador de Castanha) são os convidados do último painel deste Seminário, para falar sobre o “Vinho da Talha”, o “Azeite de Galega”, e a “Castanha DOP Marvão”.