5.7.16

Arronches recebeu Festival Internacional de Bandas Filarmónicas do Norte Alentejano “Sílvio Pleno”

 O município de Arronches e a Federação de Bandas de Portalegre organizaram no dia 02 de julho de 2016 mais um Festival distrital de bandas filarmónicas. Para o evento, o município de Arronches e a Federação de Bandas contaram com o apoio estratégico da CIMAA (desta vez não teve apoio da CCDRA através da EUROACE – Eurorregião Alentejo, Centro, Extremadura em virtude das candidaturas não terem aberto). As freguesias do município foram anfitriãs de duas bandas e a vila sede contou com 8 bandas. Assim, em Esperança, compareceram as bandas de Nisa e Gavião e em Mosteiros estiveram as bandas de Alter do Chão e Póvoa e Meadas. Para Arronches, seguiram as bandas de Alegrete, Alpalhão, Campo Maior, Crato, Elvas, Galveias, Sousel e Valverde de Léganes, a participante internacional vinda de Espanha. Tratou-se do segundo festival internacional e a Federação pretende continuar a estreitar laços com as congéneres espanholas da Extremadura. Foi também a segunda vez que o festival teve a missão de homenagear uma figura pública ligada às Bandas. O homenageado, que, infelizmente o foi postumamente, pois faleceu em novembro de 2015, foi o Capitão Sílvio Pleno, nome estruturante da música filarmónica dos últimos 50 anos em Portugal e que viria para o distrito de Portalegre em 1988 para fundar a Banda Juvenil do Município de Gavião. Em 2004, viria a ser o maestro da Sociedade Filarmónica Galveense até à data do seu falecimento, num casamento que foi muito produtivo para a citada banda e que se prolongou por 11 anos.

Toda a gente se lembra de que neste Festival, o maestro Sílvio Pleno, com a sua qualidade e irreverência, procurava levar sempre qualquer tema diferente para cada localidade, de preferência alusivo à mesma. O município de Arronches juntou-se à homenagem ofertando uma placa à viúva e ao filho mais novo do maestro, respetivamente Céu Pleno e André Rafael Pleno, também ele músico filarmónico.
Depois de terem percorrido as freguesias do concelho e a vila sede, as 12 bandas juntaram-se nos Celeiros de Arronches onde conviveram num jantar bastante animado, que levou ao rubro todos os presentes quando no final um grupo de trompetistas de várias bandas, em especial de Nisa, começou a interpretar vários temas de forma espontânea. Rapidamente, portugueses e espanhóis se envolveram em danças e comboios elevando ao rubro o convívio. Cerca das 22 horas, no belo espaço que é o Jardim do Fosso, com muito público presente, as bandas participantes surpreenderam os presentes com boas prestações numa forte dose de música filarmónica. Desde logo, desfilaram, uma a uma, as doze bandas e no final interpretaram, conjuntamente, de forma esplendida, a marcha “José Pio”, composta pelo homenageado quando o atual Presidente do município de Gavião era Presidente da banda local. Este tema, foi dirigido pelo maestro que continuou a obra do maestro Pleno na Banda de Galveias, o maestro Marco Santos. Por fim, os cerca de 350 músicos (85% jovens) tocaram, como é costume, o Hino da Federação, que pela primeira vez não pôde ser dirigido pelo seu compositor, o maestro Sílvio Pleno, pelo que teve a honra de o fazer o maestro Paulo Pires, que foi o seguidor do fundador da Banda Juvenil do Município de Gavião.

Antes ainda da interpretação do Hino, o município e as freguesias, bem como a Federação, entregaram uma placa a cada banda presente e o município arronchense homenageou o Capitão Sílvio Pleno através da entrega de uma placa à viúva e ao filho. A viúva agradeceu a homenagem e pediu para que o nome do maestro continuasse a ser perpetuado, desta forma, ofereceu à Federação, na mão do maestro Paulo Pires (Vice-Presidente), um batuta que era uma das usadas pelo falecido e homenageado.
Uma nota de realce vai para a Banda dos Bombeiros Voluntários de Sousel, fundada em 2013, que conseguiu, finalmente, marcar presença pela primeira vez neste certame e num evento tão grandioso. Esta Banda fez a sua estreia oficial, em Sousel, há apenas cerca de 3 meses. Parabéns aos Bombeiros Voluntários de Sousel, na pessoa do seu presidente da Direção (e do Município), Dr. Armando Varela, que sonhou com a Banda e ao 2º Comandante Almeida, que é o seu operacional, bem como o maestro Eduardo Correia. Muitos anos de vida e sucesso!
A FBFDP agradece todo o apoio do município de Arronches, na pessoa da sua Presidente Fermelinda Carvalho, que marcou presença no certame final. Destaque também para os vereadores José Bigares, que preparou o festival com a Federação e João Crespo, que acompanhou toda a atividade no dia 2. Outro forte agradecimento vai para a CIMAA, que marcou presença no certame através de uma das suas técnicas, e que apoiou o evento em metade da despesa com a alimentação. 
O nosso muito obrigado vai também para os presidentes das três freguesias, por estarem com a organização desde o início e pela boa receção que tiveram para com as 12 bandas, inclusivamente, o Presidente da freguesia de Assunção, José Louro, foi o grande elo de ligação entre a Federação de Bandas e o município. O público presente em Arronches foi ótimo, teve muita paciência para aguentar as paragens e os pequenos atrasos que um evento desta natureza comporta. Uma última nota vai para a bandas distritais presentes e para todos os seus músicos: Muito obrigado pelo empenho e dedicação de todos!! Foi uma felicidade termos contato com a presença dos nossos amigos de Valverde de Léganes, que se integraram no festival de forma excecional e exibindo-se em bom nível. Conviveram, divertiram-se e engrandeceram, em muito, o festival.
A GNR local foi digna dos melhores louvores pelo trabalho efetuado em Arronches, na quente tarde, pois fazer desfilar 8 bandas por uma vila de média dimensão, obriga a um trabalho de grande planificação e execução. Bem-hajam, pois correu tudo pelo melhor!
A Federação de Bandas já está a pensar no festival de 2017 tendo encetado contactos com o município de Monforte pelo que é quase dado adquirido que serão os monfortenses e as suas freguesias os anfitriões do próximo Festival. Desta forma, ficará apenas a faltar o município de Marvão para que se tenha realizado este certame nos 15 concelhos do distrito de Portalegre.