19.1.14

NOVO CANTINHO DO EMIGRANTE (1): Sonhar para acreditar ...

Eu quando era pequenino, via descargas selvagens por todo o lado, sem tão pouco imaginar, que um dia, eu viria a ser vítima destes abusos. Eu ignorava, que as tecnologias teriam um avanço tão acelerado, e nunca pensei também, que o "ambiente" estava em perigo! Hoje, e com as informações que possuímos, verificamos que o nosso belo planeta "Terra", está condenado...
Sobre a forma de modelo, queria aqui lembrar, as frases da GREENPEACE:
“ Quando a última árvore estiver cortada; quando o último rio estiver poluído; quando o último peixe for pescado: vocês vão entender que o dinheiro não se come!”
Ora! Para que não vivamos mais na intolerância, seria bom, que todos nós, se mobilizássemos em defesa daquilo que foi construído para nós com Amor.
Lembrando que a desflorestação e a poluição, são os maiores inimigos, dando origem às mais diversas catástrofes, em que o homem, é o maior responsável desta "Hecatombe"...
Por isso, enquanto cá estivermos, vamos todos desfrutar do mar, das montanhas, das paisagens, que nos levam aos confins dos nossos sonhos...
António Conicha - França